sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Longe

Carl Gustav Carus (1789-1869)

Longe
Hei-de acabar por me sentir longe
Longe de tudo

Hei-de pertencer cada vez mais
Ao horizonte

Hei-de ficar ao longe

Barco
Conscientemente afastado
De si próprio

Alberto de Lacerda
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...